Vozes Perdidas

Algures o voo, nossa miragem. Terra dispersa de saudades. Viajantes de um tempo exaurido de dor. Alegre-se a memória do voo. Estamos encantados de uma liberdade sem sonhos, pudera que fosse! Algures cinge-se o pensamento a deuses sem eira, a conformidades saudáveis. E o grito encalha algures

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s