Vozes Perdidas

Amanheci na estrada do voo.Silêncio.Algures o tempo nos esquece o transcorrer da vida.Solitáriamente choramos a dor de uma estrada sem nexo.Escutei o silêncio de uma via,carreiros do sonho.E nada nos refere a exaustão

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s