Vozes Perdidas

Tivera tempos houvera momentos.Na saudade do voo o nosso silêncio. Cansaço disperso.Houvera algures a imagem de presença ante destroços. Fluimos no ridículo afirmativo.Sem este olhar frio e incerto navegamos.Houvera nossa presença houvera nossa ousadia.Algures o grito aparta-se.Ama-se ?Fuga acirrada.Os dias transcorrem no absurdo se é que houvera presença. Lateja o voo incerto na ousadia. Não coubera tamanho silêncio. Houvera nossa heresia fluindo.Vinde filhos da terra desnaturada
,vinde pois e aqui estamos perdidos.Ousada fosse a reminiscência

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s