Vozes Perdidas

A vida e o sonho,incrível presença.Nos termos da vida a nossa ausência e fuga.Cativos de uma mentira desfraldada,sedimentada e bajulada.Algures o vento descola autenticidades
Sonegamos a palavra aprisionada quais reféns da conveniência.
Estamos cativos a uma prisão ominisciente.Nossa vida discorre intempestiva.A vida e os sonhos a vida e esta redudância de uma Sibéria austral.Neste silêncio disperso o nosso amor

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s