Sentires

Esperei por ti, algures .Nesta arcádia os nossos sonhos velejam acontecidos.Alvor de terra e mar, Alvor do sonho.E algures nossa paixão de vento e ousadia.Voos Maria,voos de insurgência e desterro .Algures amo-te perdido,encarecidamente perdido.Ó vozes ausentes de perdão e lucidez. 

Memorial a Louis Tregardt na Cidade de Maputo

Memorial a Louis Tregardt na Cidade de Maputo.

A Great Trek. Memorial a Louis Tregardt e outros companheiros.Aqui pereceu em 1838 bem pouco depois de ter chegado, o mesmo acontecendo à maior parte dos integrantes desta Grande Marcha, vítimas de doença no caso concreto malária. Esta marcha migratória resultou da revolta ou antes mal estar devido à administração colonial britânica no Cabo. Temos aqui o paradoxo ou antes o dilema da colonização. Os britânicos não só ocuparam e dominaram as populações de origem maioritária bantu como também os descendentes de colonos holandeses, os Khoi-Khoi e os San e demais grupos. Aqui teremos a afirmação nacionalista africâner, a formação do Estado Livre do Orange e da República Sul Africana do Transval e a posterior a guerra anglo-boer. Interessa que olhemos para estas realidades para respeitarmos a diversidade histórica da África do Sul. Qualquer sentido de supremacia será um equívoco.

Louis Tregardt, esposa e outros componentes num total de 16 pereceram pouco depois de chegarem a Lourenço Marques, (outros perderam a vida ao longo da Trek) , já vinham doentes e enfraquecidos, após longa jornada de caminhadas. Foram sepultos no primeiro cemitério da Cidade, São Timóteo,situado bem próximo ao memorial,hoje área habitada.